Ir para o conteúdo

Prefeitura da Estância Turística de Olímpia-SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura da Estância Turística de Olímpia-SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Rede Social Flickr
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
AGO
02
02 AGO 2022
SAÚDE
Olímpia ganha primeiro Centro de Hemodiálise para beneficiar dezenas de pacientes em tratamento
enviar para um amigo
receba notícias

Um dos importantes projetos para melhoria dos serviços de saúde pública está se tornando realidade em Olímpia. A cidade ganhará seu primeiro Centro de Hemodiálise, instalado na Santa Casa de Misericórdia, que é resultado de uma parceria do hospital com a Prefeitura.

A unidade será inaugurada nesta sexta-feira, dia 05 de agosto, beneficiando dezenas de olimpienses que precisam, quase que diariamente, se deslocar para Bebedouro, Rio Preto, Barretos e Ribeirão Preto, para realizar o tratamento.

Com instalações físicas dentro da Santa Casa, o novo Centro de Hemodiálise levará os nomes dos saudosos olimpienses, Silvia e Luiz Cesar Zucca, em homenagem à luta que enfrentaram em vida com o tratamento, e como gesto de agradecimento ainda pela contribuição para o desenvolvimento empresarial do município.

A implantação da Hemodiálise é um pedido antigo dos pacientes e familiares e um compromisso da gestão do Prefeito Fernando Cunha, que não mediu esforços para conseguir esta parceria, trazendo mais conforto aos moradores, que passam por este delicado procedimento ambulatorial, gerando desgaste físico devido às sessões com deslocamentos. O prefeito esteve, nos últimos dias, no hospital, acompanhado do provedor, para acompanhar os últimos detalhes da implantação.

O Centro de Hemodiálise de Olímpia contará com 9 máquinas (8 para uso contínuo e 1 de reserva, conforme exigência de portaria estadual) com sessões de segunda a sábado, em três turnos, totalizando 24 atendimentos por dia. Tendo em vista que cada paciente realiza 3 sessões semanais e contínuas, a unidade poderá beneficiar, então, até 48 pessoas.

Para o provedor da Santa Casa de Misericórdia, Luiz Alberto Zaccarelli, trata-se de uma conquista para os pacientes, para a saúde e para o hospital que poderá gerar receitas adicionais pela prestação do serviço, visto que o atendimento será pelo SUS, por Convênios e Particular.

O centro contará com recursos da Prefeitura para funcionamento e manutenção iniciais, de acordo com a tabela SUS por sessão, até o credenciamento oficial pelo SUS para recebimento dos repasses do Governo Federal. Os investimentos para implantação foram de cerca de R$ 2 milhões, do poder público e da iniciativa privada, por meio do projeto Thermas Social e doação da Família Zucca.

O local ainda aguarda os trâmites de análise físico-químico e bacteriológica da água e liberação dos laudos para vistoria da vigilância sanitária, para que, em breve, possa iniciar os atendimentos laboratoriais. Os pacientes que já realizam hemodiálise e são acompanhados pela secretaria de Saúde receberão todas as informações e amparo do setor. Novos pacientes que necessitem do tratamento serão encaminhados pelos médicos responsáveis, para que a secretaria faça acompanhamento, cadastramento e encaminhamento à Santa Casa.

“Atender as necessidades da população, ainda mais nos serviços de saúde, é prioridade em nossa gestão. Por isso, temos um cuidado especial na Atenção Básica, mas também estruturando cada vez melhor o único hospital que atende toda a microrregião. A hemodiálise sempre esteve em entre os nossos principais projetos e, agora, estamos cada vez mais próximos de concretizar. O espaço físico está pronto, os equipamentos instalados e as equipes treinadas, aguardando apenas a finalização de trâmites necessários que vamos agilizar para dar início ao Centro o quanto antes. Em números, temos 45 olimpienses em tratamento, que pode parecer pouco mas é de um sofrimento e desgaste grande para eles e suas famílias e nós não podíamos ficar assistindo isso. Nós vamos nos credenciar ao SUS, mas até lá a Prefeitura se compromete, como sempre se comprometeu e vai honrar e custear essa operação”, disse o prefeito Fernando Cunha.

Seta
Versão do Sistema: 3.2.7 - 04/10/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia