Ir para o conteúdo

Prefeitura da Estância Turística de Olímpia-SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura da Estância Turística de Olímpia-SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Rede Social Flickr
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUN
21
21 JUN 2018
OBRAS
Obra da Avenida Aurora Forti Neves ganha novo paisagismo e iluminação de led
enviar para um amigo
receba notícias

A Avenida Aurora Forti Neves, principal corredor turístico da Estância Turística de Olímpia, está ganhando nova identidade. Nos últimos dias, o local recebeu o plantio de mais de 300 mudas de árvores de portes médio e grande e mais de 620 mudas de plantas baixas. E ontem, quarta-feira (20), a obra foi contemplada com os postes e luminárias de led. Além disso, a parte civil segue em ritmo acelerado, com a construção da base da ponte, muretas e calçadas.

A obra, que começou em 2015, ficou parada por algum tempo por conta de um erro no projeto. Inicialmente, ele era composto por fundação de brocas e após a alteração passou a ser por estacas pré-moldadas. A nova licitação foi liberada pelo DADETUR -  Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos no ano passado, seguiu os trâmites legais e, assim que divulgada a empresa vencedora, o prefeito Fernando Cunha solicitou prioridade e início imediato.

Na parte do paisagismo, as árvores plantadas em toda a extensão da reurbanização são: 184 Choupalas, 15 Tamareiras (palmeira), 97 Palmeiras Rabo de Raposa e oito Jasmim Manga, mudas de porte médio e grande, além de 67 Clúsia, 19 Cica, 213 Guaimbê, 215 Moréia Branca e 106 Croton Petra, mudas de plantas baixas e 1.822 metros quadrados de grama esmeralda.

Segundo a empresa responsável, a vegetação implantada foi definida com base no fato do calçamento da via ser muito compacto e, por isso, optou-se por plantar espécies verticais, como é o caso das árvores mastro (choupala). A escolha também levou em conta o fato de que a avenida é um local de fluxo intenso de automóveis, ônibus e caminhões e uma árvore que formasse copa poderia ter os galhos invadindo a área de tráfego, ocasionando danos, além de que os galhos quebrados não causariam um bom efeito visual. A finalidade da árvore mastro, que chega a ter cerca de 8 metros de altura, é dar a sensação de vegetação verde na orla da avenida, criando um efeito vertical.

Para a conclusão total do projeto, de acordo com a secretaria de Obras, Engenharia e Infraestrutura, falta finalizar a base para a colocação da ponte para travessia de veículos, bem como a colocação das passarelas, decks, cubos decorativos, guarda-corpo e mobiliários como bancos, lixeiras, bicicletários, entre outros. Já para a instalação da ponte, o projeto já foi finalizado e segue em processo licitatório.

A entrega oficial da obra estava prevista para o dia 24 de junho, porém, devido há alguns imprevistos durante a execução do projeto, como a substituição da passarela por ponte e o atraso na entrega dos materiais em virtude da greve dos caminhoneiros, a inauguração terá que ser adiada para o início do segundo semestre de 2018.

“Tivemos uma alteração no projeto para a colocação da ponte. Essa mudança foi uma solicitação do prefeito Fernando Cunha para melhorar o sistema viário do município. Também alteramos o nível de uma das passarelas para evitar problemas na época das chuvas. Além disso, a greve dos caminhoneiros atrasou a entrega dos materiais como armadura da ponte, e ferragens e madeira das passarelas e decks. Com isso a entrega teve que ser adiada”, disse o secretário de Obras, Fernando Covello.

Para a obra da principal Avenida de Olímpia foram realizados os repasses de quase R$ 2,5 milhões da Secretaria Estadual de Turismo, por meio do DADETUR e mais de R$ 1 milhão de contrapartida do município.

Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia