Ir para o conteúdo

Prefeitura da Estância Turística de Olímpia-SP e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura da Estância Turística de Olímpia-SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Rede Social Flickr
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
ABR
24
24 ABR 2019
SAÚDE
UPA já realizou mais de 14 mil atendimentos, exames e transferências em abril
enviar para um amigo
receba notícias

Um balanço divulgado pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Estância Turística de Olímpia demonstra que o número de pacientes que procuraram a unidade em abril já superou em 50% os atendimentos do último mês, chegando a registrar, em alguns dias, mais de 300 pacientes.

De acordo com a secretaria de Saúde, do dia 1º ao dia 23 de abril, a unidade atendeu 6.580 pacientes, registrando uma média diária de 286 pacientes. Os números também são altos quando analisada a quantidade de exames laboratoriais realizados no mesmo período, que totalizam 7.553.

Aliado ao trabalho, a UPA efetuou ainda 176 transferências de pacientes para a Santa Casa de Misericórdia de Olímpia e 40 para o hospital em Barretos. Contabilizando o total, já foram realizados, somente neste mês, 14.309 procedimentos na unidade, entre atendimentos, exames e transferências.

Nos primeiros meses do ano, a unidade atendia em média 180 pacientes por dia, enquanto, nas últimas semanas, passou a atender cerca de 300 pessoas diariamente. O aumento da procura decorre do avanço dos casos de dengue registrados na cidade e nos municípios da região, que também buscam atendimento na UPA de Olímpia.

Vale ressaltar ainda que grande procura não é apenas uma realidade local, mas sim de toda a região, o que inclusive tem dificultado a efetivação de transferências para hospitais de outras cidades, coordenadas pela Central de Regulação de Barretos.

Diante da situação, o secretário de Saúde, Marcos Roberto Pagliuco, enfatiza que a gestão do Prefeito Fernando Cunha segue implantando medidas para otimizar os atendimentos e oferecer melhores serviços à população.

“Estamos investindo em novos profissionais para reforçar o corpo clínico e agilizar atendimentos e exames. Sabemos que o aumento tem provocado lentidão nos atendimentos e, por isto, estamos adotando ações importantes como a implantação da sala de hidratação, que oferece tratamento especializado para o paciente com dengue. Além disso, com a chegada dos novos profissionais, a UPA terá cerca de 30 técnicos em enfermagem, quatro médicos, sendo um pediatra em tempo integral, cinco biomédicos e seis farmacêuticos”, salienta o secretário.

A Saúde destaca que todos os pacientes que procuram a unidade são atendidos, seguindo o protocolo do Ministério da Saúde, que consiste na triagem do paciente, na qual é aferida a pressão arterial e colhidos relatos sobre os sintomas apresentados. Após este procedimento, o paciente é encaminhado para aguardar o atendimento, cuja prioridade é definida de acordo com a urgência dos casos. 

Secretarias Vinculadas
Seta
Versão do Sistema: 3.4.1 - 29/04/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia